Número de mortos em Gaza se aproxima de 25 mil com expansão de ofensiva israelense

Autoridades de saúde em Gaza relatam que o número de mortos no enclave chega agora a quase 25 mil. Enquanto isso, o Exército de Israel afirma que suas tropas terrestres estão expandindo a ofensiva no sul de Gaza.

Forças israelenses disseram, na quinta-feira, que uma de suas brigadas em Khan Younis “agora está em combate na área mais ao sul” em que suas “tropas terrestres já operaram até agora”. Acrescentaram que soldados israelenses mataram dezenas de combatentes do Hamas. Há muitos deslocados internos nessa região.

Autoridades de saúde em Gaza afirmaram, ainda no mesmo dia, que ataques israelenses mataram 172 pessoas nas últimas 24 horas. Acrescentaram que o número de mortos chega a 24.620.

O jornal britânico Financial Times informou na quinta-feira que Estados árabes estão trabalhando em uma iniciativa para garantir um cessar-fogo e a libertação de reféns em Gaza.

Acredita-se que a iniciativa seja parte de um plano mais amplo. A reportagem cita que um alto funcionário árabe teria dito que a proposta pode incluir a formalização de laços da Arábia Saudita com Israel, caso o lado israelense concorde em tomar medidas “irreversíveis” para a criação de um Estado palestino.

O jornal disse que autoridades árabes discutiram a proposta com funcionários do governo dos EUA e da Europa. A expectativa é de que as autoridades árabes apresentem o plano a Israel dentro de algumas semanas.